Afonso Lopes: “2 anos de Ana Carla na Sefaz foram positivos, mas desgastaram a imagem do governo. A fórmula foi válida, mas seu prazo de validade venceu”

Clipping, Goiás

Para o veterano comentarista político Afonso Lopes, em seu blog pessoal, a saída da economista Ana Carla Abrão Costa, que deixou a Secretaria Estadual da Fazenda na última sexta-feira, tem um grande significado para a evolução do quarto mandato do governador Marconi Perillo.

“Dois anos depois, o balanço do que foi feito é positivo no que se refere ao controle fiscal, mas houve desgaste na imagem do governo”, escreve Afonso Lopes. “A fórmula empregada foi válida, mas seu prazo de validade venceu, apesar da recessão nacional ainda mostrar fôlego”, continua.

Segundo o jornalista, “é possível, sim, manter as contas em ordem e impregnar a economia estadual de atitude mais desenvolvimentista” – missão que está a cargo, a partir de agora, do novo titular da Sefaz, Fernando Navarrete: “O Estado está pronto para trabalhar a plena recuperação do prestígio popular que fez deste governo o mais vitorioso da história de Goiás. Essa é a nova perspectiva: devolver aos 6 milhões de goianos o otimismo que se tornou marca indelével nas duas últimas décadas”, conclui Afonso Lopes.