Vereadores ligados a Iris reclamam que Andrey Azeredo age como se fosse subordinado a grupo que apoiou Vanderlan na eleição para prefeito de Goiânia

Câmara de Vereadores, Goiânia

O novo presidente da Câmara Municipal de Goiânia, Andrey Azeredo (PMDB), já foi alvo de todo tipo de reclamação possível desde que foi eleito para o comando do poder Legislativo da Capital, mas nenhuma tão inesperada quanto esta: de acordo com o jornal Opção, a base ligada ao prefeito Iris Rezende (PMDB) acusa Andrey de estar subordinado a um grupo de vereadores que, na eleição do ano passado, apoiou Vanderlan Cardoso (PSB) na disputa pela prefeitura.

O grupo que teria plena ascendência sobre Andrey seria formado por Sabrina Garcêz (PMB), Gustavo Cruvinel (PV), Tiãozinho Porto (Pros), Vinícius Cirqueira (Pros), Carlin Café (PPS) e Lucas Kitão (PSL). Todos novatos, vale registrar.

A crise de ciúmes pode prejudicar a relação da Câmara Municipal com a prefeitura de Goiânia, uma vez que já existem vereadores dispostos a barrar projetos de interesse do principal fiador da eleição de Andrey como presidente da Casa, ninguém menos que o prefeito Iris Rezende.