Ao defender perdão a Lula, Iris revela ser adepto do “rouba, mas faz”. Ouça o áudio

Goiânia, Nacional

Sem querer, o prefeito Iris Rezende (PMDB) admitiu nesta quinta-feira, em entrevista ao jornal O Popular, que é adepto do “rouba, mas faz”, jargão que o folclórico ex-prefeito de São Paulo Adhemar de Barros incorporou à própria personalidade”.

A confissão veio na defesa que fez do ex-presidente Lula, que na opinião dele não merecia cadeia porque “colocando na balança o que o Lula já dez de positivo para o Brasil e o que ele já fez de mal, a balança pesa bem positivamente”.

Ouça o áudio.