Vereador Wellington ataca Andrey Azeredo: “Privilegia a bancada do setor imobiliário”

Câmara de Vereadores, Goiânia

A bancada do PMDB na Câmara Municipal de Goiânia está em frangalhos. O vereador Wellington Peixoto (PMDB) deu declarações à coluna Giro, do jornal O Popular, nesta quinta-feira que deixam claríssimas a sua insatisfação por ter sido excluído da comissão de vereadores que vai discutir alterações no Plano Diretor com o técnicos da prefeitura de Goiânia.

A comissão foi escolhida por Andrey, que se autonomeou para participar dela a partir de critérios que só Deus e o diabo conhecem. O presidente também escolheu para a comissão Eduardo Prado (PV), Izídio Alves (PR), Sabrina Garcez (PMB) e Anselmo Pereira (PSDB) – além do sempre-suspeito Clécio Alves (PMDB) como suplente.

Aspas para Wellington: “Além de se autonomear, Andrey Azeredo ainda privilegia a bancada do setor imobiliário”. É a segunda vez que Wellington acusa o presidente da Câmara de imiscuir-se nos interesses das grandes construtoras. No começo do ano, o vereador disse que Andrey foi eleito presidente da Câmara com o apoio generoso ($$$) destas empreiteiras.