Incoerente: Anselmo, que hoje pede para “deixar os mortos em paz”, sugeriu obra com nome de Paulo Garcia

Câmara de Vereadores, Goiânia

Nesta quarta-feira, o vereador Anselmo Pereira (PSDB) pediu vistas ao projeto do vereador Paulo Daher (DEM) que cria uma medalha com o nome de Emival Caiado, ex-senador e tio de Ronaldo Caiado, para homenagear pessoas que combatem a corrupção. Anselmo afirmou: “Deixem os mortos em paz”. Este blog concorda, mas não poderíamos nos furtar de apontar a incoerência de Anselmo.

No dia 3 de agosto, pouco depois da morte do ex-prefeito Paulo Garcia (PT), Anselmo sugeriu batizar o BRT Norte-Sul com o nome do petista. Ou seja: quando partiu dele a proposta, a máxima que sugere “deixar os mortos em paz” não teve valia alguma.

Apontar incoerências na atuação do vereador Anselmo é fácil. Acontece quase todo dia.