Promotor avisa: vai exigir que Iris cumpra lei que acaba com “fila da morte” em Goiânia

Goianésia

O vereador Elias Vaz (PSB) disse, nesta terça-feira, ter ouvido do promotor Eduardo Prego, coordenador do Centro de Apoio Operacional da Saúde, a promessa de que o Ministério Público vai exigir que o prefeito Iris Rezende (PMDB) cumpra a lei, promulgada pela Câmara Municipal, que estabelece prazos para prefeitura de Goiânia oferecer procedimentos médicos para pacientes da rede pública.

A lei, nascida a partir de projeto do vereador Elias Vaz (PSB), dá à Saúde municipal os prazos de 15, 30 e 60 dias para realização de exames médicos, consultas e cirurgias eletivas, respectivamente. Diz também que os prazos serão reduzidos pela metade se o paciente tiver menos de 12 anos de idade.

Numa chicana jurídica risível, Iris baixou decreto para anular a lei. Para que o leitor do blog saiba, tentar anular lei com decreto é como a banana comer o macaco. Isso não existe.