Aprovação relâmpago de relatório de gestão Lúcio Flávio causa bate-boca em sessão da OAB Goiás

Goiás, OAB Goiás

Terminou em bate-boca a sessão extraordinária de conselheiros da Ordem dos Advogados do Brasil em Goiás (OAB-GO) convocada para analisar o relatório encomendado ao advogado Luciano de Paula Cardoso, da Comissão de Orçamento e Contas, a respeito dos números da gestão do presidente Lúcio Flávio de Paiva. Dissidentes da atual gestão acusam os aliados de Lúcio Flávio que manobrar para o relatório fosse aprovado em tempo recorde. Usaram termos como “falta de transparência” e “truculência”.

De acordo com o jornal Opção, o documento, que tem mais de 500 páginas, é a compilação dos dados obtidos por meio da auditoria independente contratada pela atual gestão, de um parecer da Controladoria do Conselho Federal da OAB e contém as despesas e receitas do ano passado. Um pedido de vistas foi concedido, mas a votação final já foi marcada para as 11 horas desta sexta-feira (25/8), quando uma nova sessão extraordinária será realizada.

“Gastaram oito meses para fazer essa prestação e estão dando um dia e meio para que analisemos todo o conteúdo. Há diversas inconsistências, só que fica impossível apontar tudo. Há também indícios que nos causam estranheza, como o descumprimento parcial da proposta Orçamentária, mas não temos como comprovar porque precisaríamos de tempo para tanto”, lamentou Waldemir Malaquias da Silva.

Confira reportagem completa sobre o assunto no site do jornal Opção.