Interações de Caiado nas redes sociais caíram pela metade desde 2016, diz jornal Estado de S. Paulo

Goiás, Nacional

As interações do público com as páginas do senador Ronaldo Caiado (DEM) nas redes sociais caíram pela metade desde 2016. É o que mostra estudo divulgado nesta segunda-feira pelo site do jornal O Estado de S. Paulo, que analisa o desempenho de todos os presidenciáveis na internet.

Os dois únicos candidatos potenciais ao Palácio do Planalto que apresentam engajamento virtual crescente são Lula (PT) e Jair Bolsonaro (PSC). O Estadão revela que, em agosto, Lula alcançou 4,2 milhões de comentários, compartilhamentos e likes, contra 4 milhões do deputado e 2,2 milhões do prefeito ele São Paulo, João Doria (PSDB).

Ao comentar o engajamento decrescente dos seguidores de Doria, o jornal fala também do senador goiano: “Outra com tendência de queda é a página de Ronaldo Caiado, um dos nomes cotados para ser candidato a presidente pelo DEM. Suas interações caíram pela metade desde o fim de 2016.

O Estadão aposta que as interações de Lula nas redes sociais pararão de aumentar na primeira quinzena de setembro, quando termina também a sua caravana pelo Nordeste brasileiro.