Doria e Marconi são expoentes da geração de líderes que emerge no Brasil, diz Vitti 

Assembleia Legislativa, Goiás

Por iniciativa do presidente José Vitti (PSDB), a Assembleia Legislativa realizou nesta quinta-feira (19) sessão extraordinária para entregar título cidadão goiano ao prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB). No pronunciamento, o presidente da Casa, José Vitti (PSDB), afirmou estarem presentes na solenidade dois “grandes gestores públicos que espelham o futuro do País”.

“Com perfil arrojado, inovador e republicano, acredito que o prefeito João Doria soma-se ao governador Marconi Perillo como expoentes da atual geração de líderes políticos do Brasil e também do PSDB”. Ele encerrou o discurso pedindo que João Doria “carregasse com carinho a honra de ser o mais novo cidadão goiano”.

Vitti disse também foi questionado sobre a razão da homenagem a João Doria. “Acredito que muitas pessoas ainda não sabem da importância de sua atuação para atrair novas empresas, negócios e investimentos para o nosso Estado”, afirmou, se dirigindo ao prefeito paulistano.

“Eu, que também sou empresário, líder classista e árduo defensor do setor produtivo, sei que o papel de João Doria na atração de investimentos para Goiás nem sempre apareceu como deveria, mas seus frutos são inquestionáveis. Eu posso atestá-los e avalizá-los pessoalmente”, disse.

Conforme o presidente do Legislativo goiano, Doria empenhou-se como empresário e político junto ao governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), para evitar que houvesse uma guerra fiscal entre os Estados.

“Sua ação como interlocutor resultou na convalidação e consolidação dos incentivos fiscais concedidos pelo Governo de Goiás”, disse. Iniciativa esta, que segundo Vitti, contribuiu na permanência de grandes empresas e, consequentemente, na manutenção de milhares de empregos no Estado.

O presidente da Assembleia ressaltou, ainda, que a história de João Doria demonstra como a prática empresarial pode inovar a gestão da administração pública. Vitti lembrou a ação de Doria à frente  do Grupo de Líderes Empresariais (Lide), que tem sido parceiro do governador Marconi Perillo, com grandes resultados para o desenvolvimento da economia goiana.

Por sua vez, João Doria disse que sempre sente em casa pela acolhida recebe quando vem a Goiás. O prefeito foi enfático ao agradecer ao presidente Vitti pelo gesto de oferecer-lhe o Título de Cidadão Goiano. “Sou meio paulista, meio baiano e agora, com muita honra, meio goiano”, destacou.

Doria salientou também a capacidade de Vitti de promover uma sessão com ampla representatividade de várias matizes políticas, empresarias e de entidades da sociedade civil organizada. Em seu discurso, ele deixou uma mensagem de esperança. “Estamos a caminho de uma nova realidade. Goiás é um Estado promissor. Os últimos quatro anos foram de recessão no Brasil. Mas Goiás se superou, cresceu. O goiano não tem preguiça e ama trabalhar. Quero deixar aqui o meu sentimento de esperança. Foi a partir das dificuldades que vivenciei que aprendi a superar os desafios da vida,” disse.

Doria ressaltou o fato de ter superado todas as expectativas e vencido a eleição para a prefeitura paulista, em 2016, ainda no primeiro turno. “Sou guerreiro, sou brasileiro, e como tal aprendi a ter resiliência, resistência e couro grosso. Para o povo e pelo povo, o trabalho, a tolerância, a dedicação, e é isso que temos feito por São Paulo”, frisou. “A cada hora que sofro uma injustiça, ao invés de devolver com virulência, prefiro responder com trabalho.”

O prefeito paulista disse não precisar se apresentar como candidato para defender um Brasil melhor. “Quero dar uma demonstração à população que quero ser um servidor”, disse ao se referir a sua iniciativa de doar seu salário para entidades beneficentes e por não utilizar carros públicos e cartão de crédito corporativo. Ao finalizar suas palavras, João Doria afirmou que mais do que nunca será um defensor de Goiás.