Gestão austera de Marconi garante cumprimento das metas fiscais, dizem jornais

O Hoje e Diário da Manhã destacam o balanço da Secretaria de Estado da Fazenda que mostra que a administração austera e planejada do governador Marconi Perillo garantiu o cumprimento das metas fiscais em 2017.

As medidas de contenção de despesas associadas às políticas de eficiência de gestão da arrecadação garantiram superávit primário de R$ 216,116 milhões, o menor dispêndio com a folha do funcionalismo em três anos, resumem os jornais.

O Hoje e Diário da Manhã informam ainda, em outras reportagens, que os registros da Secretaria da Fazenda mostram que a única operação de crédito realizada se deu com o Bird, no valor de US$ 65 milhões, para gerenciamento da malha rodoviária.

Diário da Manhã relata também que a receita do Governo de Goiás teve crescimento de 3%, segundo a Sefaz.