Na reunião, Lúcio Flávio, da OAB-GO, cometeu gafe e tomou pito da ministra Cármen Lúcia

O presidente da OAB Goiás, Lúcio Flávio Paiva, cometeu uma grande gafe na reunião de segunda-feira com a ministra do STF, Cármen Lúcia. Lá pelas tantas, o advogado se empolgou e disse que queria “convocar” a ministra para cobrar medidas das autoridades goianas contra a crise prisional.

Fina, mas sem deixar passar a gafe, Cármen disse que ninguém a convoca e muito convoca o Judiciário, mas, sim, o contrário. Envergonhado, Lúcio Flávio pediu desculpas e sossegou. O registro está na coluna Giro, de O Popular.

Lúcio Flávio está todo saidinho. Doido para aparecer nesta grave crise do sistema penitenciário. A gente explica o porquê. Tem eleição da OAB neste ano e Lúcio está em baixa. Muitos defendem que ele nem dispute a reeleição sob risco de passar por um vexame histórico contra o fortalecido Pedro Paulo Medeiros.

 

Compartilhe