Baldy fala em retomada imediata do BRT. Mas Pop mostra que não é bem assim

O goiano Alexandre Baldy, ministro das Cidades, afirma nesta quinta-feira em artigo no Diário da Manhã que determinou a liberação de recursos federais para “retomada imediata” do projeto do BRT Norte-Sul em Goiânia, que está parado desde o começo da gestão do prefeito Iris Rezende (MDB).

Mas reportagem de Fabiana Sousa no jornal O Popular mostra que não é bem assim. A definição de uma data para reinício da obra depende de ajustes com o Ministério Público Federal e da assinatura de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC). A reportagem deixa bem claro que ainda não existe consenso a respeito de todas as questões que envolvem o BRT.

Esta audiência no MPF só vai acontecer no dia 14.

Baldy deixa o ministério em abril. É real o risco de ele se desincompatibilizar para ser candidato sem ter conseguido destravar o projeto.

Abaixo, o print do artigo:

 

Compartilhe