Marquinhos Palmerston desanca Raquel Teixeira: “Pior que não atender deputado é atender e mentir”

Marquinhos Palmerston (PSDB) engrossou, nesta quinta-feira, o protesto dos deputados estaduais da base aliada contra os secretários da administração do governador Marconi Perillo (PSDB) por negligência no atendimento aos parlamentares. O alvo de Marquinhos foi a secretária de Educação, Raquel Teixeira: “Pior que não atender deputado é atender e mentir”, disse o tucano. 

Henrique Arantes avisa que continuará a obstruir Assembleia com regimento sob braço

O deputado estadual Henrique Arantes (PTB) avisou, na tarde desta quinta-feira, que com o regimento interno debaixo do braço, continuará dedicado a obstruir a votação de projetos na Assembleia Legislativa. “Estou em obstrução em alguns dias e vou intensificar a obstrução, usando o regimento. Não há nada que me impeça de fazer isso”, afirmou Henrique.

Vitti denuncia “gênios” da Sefaz que burocratizam Estado para ajudar cartórios

Cena rara na sessão plenária desta quarta-feira, na Assembleia Legislativa: o presidente da Casa, José Vitti (PSDB), subiu à tribuna para se pronunciar. O assunto foi a investida de “gênios” da Secretaria da Fazenda para “burocratizar” o Estado, com objetivo de ajudar os cartórios. 

Café da Manhã, do Diário da Manhã, elogia Vitti por implantar ponto eletrônico para deputados

Nota principal da coluna Café da Manhã, publicada no Diário da Manhã, informa que a Assembleia Legislativa agora terá controle da presença dos parlamentares via biometria. Segundo o presidente da Casa, deputado estadual José Vitti, a medida visa garantir a legalidade das decisões tomadas pelo Parlamento e evitar questionamentos e dúvidas.

Diário da Manhã: com Vitti, Assembleia de Goiás aparece no topo em eficiência e menor custo entre todas do Brasil

Diário da Manhã registra levantamento publicado na Folha de S.Paulo, no último sábado, que aponta a Assembleia Legislativa de Goiás “no topo” dos índices de eficiência e menor custo entre as Casas de todo o país. Realmente, Vitti conseguiu emplacar uma agenda positiva na Alego, diferente da maioria de seus antecessores.

Vitti está certo na luta contra gazeteiros. Se houvesse corte de ponto de faltosos em 2017, deputados não teriam recebido R$ 107 mil

Matéria de capa do jornal O Popular, deste domingo, demonstra cabalmente que o presidente da Assembleia de Goiás, José Vitti, está corretíssimo na luta contra os gazeteiros do Legislativo. Jornal fez contas e concluiu que se houvesse corte de pontos dos faltosos em 2017, deputados estaduais deixariam de receber R$ 107 mil.

Assembleia de Goiás lidera ranking dos legislativos mais eficientes e de menor custo do país, aponta Folha de S. Paulo

Levantamento publicado na Folha de S. Paulo deste sábado (25/11) aponta Assembleia Legislativa de Goiás (Alego) no topo dos índices de eficiência e menor custo entre as Assembleias Legislativas de todo o país. Pesquisa foi feita pelo cientista de dados Leonardo Sales, mestre em economia do setor público pela Universidade de Brasília (UNB),

Major Araújo escangalha Grupo Jaime Câmara e diz que até página de Bill Guerra no Facebook informa melhor

Irritado com o Grupo Jaime Câmara pelo pouco destaque dado a um assalto ocorrido no Parque Amazonas, que na opinião dele deveria ter merecido destaque, o deputado estadual Major Araújo (PRP) escangalhou o Grupo Jaime Câmara e afirmou que até a página de um tal Bill Guerra no Facebook informa melhor. “O Bill sozinho é melhor que a TV Anhanguera, O Popular e CBN juntos. Ele dá show”.

Major Araújo joga O Popular no lixo e diz que jornal tem medo do “chinelo” do governo: “Não me satisfaz”

No seu discurso, Major gesticulava com o jornal amassado na sua mão, até que o jogou na lata de lixo e disse que era isto que o veículo de comunicação merecia. “Por muitos motivos, não tem representado mais o que o povo espera. Não é digno de ser chamado de mais importante veículo de notícia da nossa capital, nem o Grupo Jaime Camara”.  

Cláudio Meirelles critica imprensa por cobrar presença de deputados gazeteiros na Assembleia Legislativa

O deputado estadual Cláudio Meirelles (PR) criticou veículos de comunicação de Goiás por exigir presença de parlamentares em plenário para votar matérias de interesse da população. Ele afirma que é contra a mudança do regimento que permite o corte de ponto do deputado que falta às sessões. Segundo Cláudio, “a imprensa vai de um lado ou outro dependendo dos interesses”.