Cinco trocadilhos impagáveis sobre o ex-diretor suspeito de pagar silicone da namorada com dinheiro do Mutirama

Fabiana Narikawa, ex-servidora do Parque Mutirama que é investigada por suposta participação no esquema de desvio de dinheiro da Agetul, disse ao promotor Ramiro Carpenedo, em depoimento, que o ex-diretor administrativo e financeiro da agência Geraldo Magela pagava as contas dela com dinheiro desviado do Parque, incluindo um implante de silicone. A notícia chocou os leitores do blog, mas gerou piadas.

Família ainda não conseguiu pagar enterro de ex-chefe de cerimonial de Iris, diz vereador

A família do ex-chefe de cerimonial da prefeitura de Goiânia, Belgi Ferreira, morto no dia 2 de agosto deste ano, ainda não conseguiu pagar as despesas do seu enterro. Na tribuna da Câmara, nesta quinta-feira, o vereador Jorge Kajuru (PRP) sugeriu uma vaquinha para reunir dinheiro suficiente. São necessários R$ 15 mil, segundo ele. 

“Goiânia vai aos poucos se tornando insustentável”, afirma Ulisses Aesse no DM

“O sentimento que fica é o de que o poder público serve apenas para atender os interesses de poucos, sempre os mais poderosos”. A afirmação é do jornalista Ulisses Aesse, titular da coluna Café da Manhã (do Diário da Manhã), que nesta quinta-feira lamenta a descaracterização de Goiânia em função dos interesses do mercado imobiliário.

Ex-diretor é suspeito de pagar silicone da namorada com dinheiro do Mutirama

Fabiana Narikawa, ex-servidora do Parque Mutirama que é investigada por suposta participação no esquema de desvio de dinheiro da Agência de Turismo e Lazer de Goiânia (Agetul), disse ao promotor Ramiro Carpenedo, em depoimento, que o ex-diretor administrativo e financeiro da agência Geraldo Magela pagava as contas dela com dinheiro desviado do Parque, incluindo um implante de silicone. 

“Eu tinha amor pelo Parque”, diz ex-diretor apontado pelo MP como operador do grupo que roubou Mutirama

Em depoimento na Câmara Municipal, o ex-diretor administrativo e financeiro da Agência de Turismo e Lazer (Agetul) Geraldo Magela afirmou que “tinha amor pelo Mutirama”. Magela, chamado no meio político de “manquinho”, foi denunciado pelo Ministério Público por suspeita de ser o operador da organização criminosa que desviou pelo menos R$ 70 milhões do Parque. 

Kleybe se disponibiliza? Jornalista procura vereador puxa-saco para colocar nome dele em Praça da Capital

Continua o deboche em cima do vereador do Kleybe Morais (PSDC), que propôs que o monumento às Três Raças, na Praça Cívica, fosse rebatizado com o nome da primeira-dama de Goiânia, Dona Iris (PMDB). Laerte Júnior, jornalista da rádio Difusora, perguntou no Twitter se algum vereador puxa-saco se oferece para mudar o nome da praça do Bandeirante, na Capital, para “Praça Laerte Júnior”.

TV Serra Dourada mostra briga entre vereadores Oséias Varão e Clécio Alves. Veja a baixaria

A Comissão de Finanças que avalia o aumento do IPTU pegou fogo nesta quarta-feira. Os vereadores Oséias Varão (PSB) e Clécio Alves (PMDB) quase saíram no tapa. Oséias é da base do prefeito Iris Rezende e pediu vistas do projeto que barra o reajuste. Clécio arrepiou e o pau quebrou. Oséias chamou Clécio de canalha.

Ao GO24H, dono da Astri promete provar que inspeção em brinquedo do Mutirama não encontrou falhas, ao contrário do que diz Jovitec

Adilson Capel, dono da Astri Decorações Ltda, empresa que fez a reforma do parque Mutirama em 2011, afirma ao blog GO24H que tem documentos para provar que o laudo contratado pela empresa dele junto à Jovitec concluiu que o eixo do brinquedo Twister estava apto a funcionar e não oferecia risco ao público. 

Puxa sacos de Iris usam sessão da Câmara para defender mutirões das críticas

A tropa de choque dos baba-ovos do prefeito Iris Rezende (PMDB) na Câmara Municipal, liderada pelos vereadores Paulo Magalhães (PSD), Tiãozinho Porto (Pros), Anderson Bokão (PSDC) e Felisberto Tavares (PR) gastou uma hora da sessão plenária desta quarta-feira para puxar saco do velho cacique do PMDB e elogiar os mutirões, que são a prática política mais atrasada que existe.

Denunciado por corrupção, Zander se afasta de CEI das Contas Públicas, mas segue na Câmara Municipal

Denunciado por corrupção no âmbito da operação Multigrana, que apura suspeitas de roubo de dinheiro do Parque Mutirama, o vereador Zander Fábio (PEN) pediu afastamento da Comissão Especial de Inquérito (CEI) da Câmara que passa um pente fino nas contas públicas no últimos nove anos. Mas, infelizmente, continua no exercício do mandato. 

Astri, que reformou Mutirama, diz que não sabia de defeito em brinquedo, mas responsável pela inspeção afirma que é mentira

A Astri Decorações e o seu proprietário, Adilson Capel, devem ser indiciados pela tragédia que ocorreu no parque Mutirama no dia 26 de julho, deixando 11 feridos. Viviane de Moura, proprietária da Jovitec, empresa que realizou inspeção com raio X nos brinquedos do parque em 2011, disse à Polícia Civil que avisou a Astri sobre a porosidade inadequada da peça que, seis anos depois, viria a quebrar. 

Dica de leitor para vereador que quer colocar nome de Dona Iris em monumento: “Faça uma filha e chame-a assim”

Já que os vereadores (até os aliados da prefeitura) rejeitaram a ideia sabuja do vereador Kleybe Morais (PSDC) de rebatizar o monumento às Três Raças, na praça Cívica, com o nome da primeira-dama de Goiânia, Dona Iris, o leitor do blog Marko Aurélio Albuquerque fez uma sugestão que Kleybinho deveria avaliar: “por que ele não faz uma filha na mulher dele e coloca o nome de Dona Iris?”.

Vereadores Elias Vaz e Alysson Lima criticam e desmascaram Mutirão de Iris: “propaganda arcaica” e “engodo”

Os problemas graves no trânsito e na saúde, por exemplo, continua a atormentar o goianiense. Com muita propaganda, Iris tenta passar a ideia de que o Mutirão é a solução para tudo e que a cidade está a mil maravilhas. O vereador Elias Vaz disse que o Mutirão não passa de uma propaganda arcaica. O também vereador Alysson Lima é um “engodo”.

Iris e Paulo estão destruindo boas lembranças que temos do Mutirama, diz Cristiano Silva

A sucessão de lambanças e de atos irresponsáveis praticados pelo prefeito Iris Rezende (PMDB) e pelo ex-prefeito Paulo Garcia (PT) destruíram o patrimônio afetivo do Mutirama, afirma Cristiano Silva, editor do blog. Em vez de boas lembranças, hoje associamos o parque a denúncias de corrupção. Confira análise.

Alô, MP: cinco auxiliares de Iris que mataram trabalho para politicar na segunda receberão pelo dia enforcado?

Cinco auxiliares do prefeito Iris Rezende (PMDB) mataram serviço na segunda-feira para tomar cafezinho e distribuir apupos nos escritórios da senadora Lúcia Vânia (PSB) e do deputado federal Daniel Vilela (PMDB). A pergunta é se o Ministério Público permitirá que receberam pelo dia não trabalhado.