Marconi mais uma vez põe a oposição no bolso: governador tem audiências com sete ministros e presidente Temer enquanto a turma do contra só fala mal e não faz nada por Goiás

Goiás

O governador Marconi Perillo não dorme no ponto. A terça-feira foi de feriado em Goiânia, mas Marconi arrumou sua mala e vazou para Brasília. Lá, manteve agenda agitadíssima e colocou Goiás em destaque junto aos ministros e ao presidente Michel Temer. Enquanto isso… figuras como Daniel Vilela, Iris Rezende, Dona Iris, Adib Elias, Ernesto Roller, José Nelto, Major Araújo continuam apenas reclamando, não trabalham a favor do Estado e só xingam o governo estadual.

Primeiro governador a ser recebido por Temer, Marconi mostra força no novo governo e apresenta demandas de Goiás

Goiás

Governador Marconi Perillo manteve agenda movimentadíssima em Brasília, na terça-feira. Foram sete audiências com ministros, um encontro com o deputado Jovair Arantes e conversa reservada de 20 minutos com o presidente Michel Temer. Aos ministros e Temer, Marconi apresentou uma variada pauta de demandas para Goiás. Entre os assuntos principais estavam a venda da Celg e a revisão do Pacto Federativo.

Preso em seu radicalismo eterno, Caiado fica isolado contra a venda da Celg

Goiás

Senador Ronaldo Caiado mais uma vez se vê refém do seu radicalismo político. Caiado continua totalmente contra a venda da Celg ao passo que outros políticos, lideranças de oposição e entidades são a favor da privatização da companhia energética. Caiado tem apoio apenas de movimentos radicais de esquerda, que tem pouca ou nenhuma representatividade popular.

Trincheira de protesto de estudantes, artistas e intelectuais deveria ser ideias e argumentos, não invasões, coquetéis molotov e pneus incendiados

Goiás

Toda violência é antidemocrática. Na semana passada, estudantes, “artistas” e “produtores culturais” de Goiás fizeram os seus protestos (contra o quê, mesmo?) apelando para a violência das invasões, bombas, pedradas e pneus queimados em via pública. Isso é intolerável.

Diário da Manhã: candidatos apadrinhados sempre terminam como rotundos fracassos administrativos. Veja o exemplo de Dilma, Alcides e Paulo Garcia

Eleições, Goiânia, Goiás

Reportagem de Helton Lenine no Diário da Manhã desta segunda mostra que candidatos que chegam ao governo apadrinhados por líderes políticos de peso sempre acabam fracassando na administração. Helton Lenine cita os exemplos indiscutíveis de Dilma, Alcides Rodrigues e Paulo Garcia – todos verdadeiros fiascos em matéria de gestão.

Marketing petista: trecho goiano da Ferrovia Norte-Sul, “inaugurado” por Dilma há 2 anos, só foi usado até hoje para 3 transportes e continua inconcluso

Goiás, Nacional

“Inaugurado” pela então presidente Dilma Rousseff em maio de 2014, o trecho goiano da Ferrovia Norte-Sul continua inconcluso e, por falta dos pátios operacionais e polos de carga, não pode ser usado. Tudo não passou de mais uma farsa de marketing tão ao gosto dos governos petistas – que finalmente chegaram ao ponto final com o impeachment

Afonso Lopes: PT prepara divulgação de “um grande e detalhado relatório sobre a extensão da herança maldita que Iris deixou para Paulo Garcia”

Goiás

O traquejado comentarista político Afonso Lopes revela, no Jornal Opção desta semana, que o PT está preparando um relatório sobre a herança maldita que o prefeito Paulo Garcia recebeu do seu antecessor Iris Rezende – e que acabou inviabilizando a atual gestão de Goiânia. Veja os detalhes.

José Eliton: “Aviso e coloco com muita clareza. Não ultrapassem os limites. Não depredem patrimônio público ou privado. A polícia vai agir para assegurar, com rigor e força, a ordem pública em Goiás”

Goiás

O vice-governador e secretário de Segurança, José Eliton, manda um duro aviso aos manifestantes de rua, em Goiás: respeitem os limites constitucionais para a liberdade de expressão, não promovam atos de violência ou vandalismo, façam seus atos de forma pacífica e receberão todas as garantias da polícia. Caso contrário, a reação das forças de segurança será rigorosa.

Merece parabéns e serve de exemplo para o país: em Goiás, atos de vandalismo em supostos “protestos” serão tratados como ações criminosas e reprimidos com rigor

Goiás

Depois dos atos de vandalismo promovidos por um grupo de estudantes na Praça Cívica, com a queima de pneus para bloquear o tráfego, pedradas contra policiais e o lançamento de bombas tipo coquetel molotov, o secretário de Segurança, José Eliton, manda um aviso: a repressão a esse tipo de baderna será dura e rigorosa, inclusive com a responsabilização criminal dos envolvidos.

Cadê as ideias e argumentos? Estudantes, artistas e produtores culturais de Goiás defendem seus pontos-de-vista com invasões, coquetéis molotov e pneus queimados

Goiás

Em Goiás, em vez de apresentar suas ideias e argumentos, grupelhos de estudantes, artistas e produtores culturais preferem defender seus pontos-de-vista com invasões, bombas e pneus incendiados. Foi o que se viu na semana passada, em “protestos” contra as OSs na Praça Cívica e contra a extinção do Minc na ocupação do prédio do Iphan.

Que administrações do PT são irresponsáveis e marqueteiras, todo mundo sabe. Mas a “inauguração” de araque do novo aeroporto de Goiânia por Dilma e Paulo Garcia bateu todos os recordes

Goiás

No Brasil e em Goiás, todo mundo sabe que as administrações do PT são irresponsáveis e marqueteiras. Mas a “inauguração” de araque do novo aeroporto de Goiânia bateu todos os recordes. Dilma e Paulo Garcia “entregaram” um terminal que não está pronto e vai demorar a ser concluído, em uma total de falta de respeito com os passageiros.

Temer cogita extinguir a TV Brasil. É o que Marconi também deveria fazer com a TV Brasil Central, um dos maiores ralos por onde escorre dinheiro público em Goiás

Goiás, Imprensa

O presidente Michel Temer estuda a extinção da TV Brasil, canal oficial de televisão do governo que desperdiça dinheiro público em troca de audiência zero. É o que o governador Marconi Perillo deveria fazer com a TV Brasil Central, emissora de televisão do Estado, que ninguém assiste e desperdiça milhões por mês, junto com a Agência Brasil Central. Tudo inútil.

O Popular: Dilma e Paulo Garcia “inauguraram” o novo aeroporto como “100% concluído”. Mas nem as escadas rolantes funcionaram no dia da cerimônia

Goiás

Confere aí, leitor: post do presidente da Comurg, o advogado petista Edilberto Dias, comemora a “inauguração” de araque do novo aeroporto de Goiânia. Para começar, a escada rolante onde eles posaram não estava funcionando. O vexame é nacional: o terminal não está pronto até hoje, segundo comprova reportagens de O Popular nesta terça-feira.

Deu no Jornal Opção: PRB reforça convite para Marconi disputar a presidência da República pelo partido em 2018

Goiás, Nacional

O ministro Marcos Pereira foi quem renovou convite a Marconi para o projeto nacional. Prudente e concentrado em Goiás, Marconi agradeceu e disse que não pensa em deixar o tucanato (ao menos por agora). PP e PSB também já sondaram Marconi para o Planalto em 2018.

Ao assumir a Presidência, Michel Temer promoveu sessão de “descarrego” (sob o comando do goiano João Campos), no gabinete herdado de Dilma

Goiás, Nacional

O deputado federal goiano e pastor João Campos, do PRB, esteve no gabinete presidencial, no dia 12 de maio, data em que Michel Temer assumiu o governo federal, para presidir uma sessão de “descarrego” e livrar o local de trabalho do novo chefe da nação de “influências maléficas” e “energias deletérias”. Confira.

Espertalhão: antes do fim do governo Dilma, Olavo Noleto providenciou um cargo federal de R$ 18 mil mensais para a própria mulher

Goiás

No apagar das luzes do governo Dilma, o goiano Olavo Noleto, que ocupou vários postos nas gestões petistas e estava como subchefe da Secom federal, providenciou um cargo de R$ 18 mil reais mensais para a própria mulher, Rosana Pereira Braga Noleto. No PT, tem de tudo: imbecis, ladrões e sobretudo malandros. Mas bobo não tem nenhum.

Dilma caiu sob o silêncio dos petistas goianos: fora Rubens Otoni, com um post frio de 12 linhas no Facebook, ninguém mais deu um pio

Goiás

Com exceção do deputado federal Rubens Otoni, que publicou um post de 12 linhas no Facebook lamentando o impeachment, Dilma Rousseff foi apeada do poder sob o silêncio complacente do PT goiano. Nenhuma das figuras de destaque do partido em Goiás, com exceção de Otoni, botou a cara a tapa para defender a pior presidente da história do Brasil.

Aliança prioritária de Michel Temer em Goiás é com Marconi: PMDB goiano só tem 2 votos no Congresso e, além disso, hesitou em apoiar o impeachment

Goiás

O PMDB goiano e o senador Ronaldo Caiado vão enfrentar dificuldades para tentar instrumentalizar a ascensão de Michel Temer para inviabilizar os pleitos de Goiás em Brasília. Com 13 votos na Câmara Federal e 2 no Senado, além da forte influência do PSDB no novo governo, tudo indica que Marconi Perillo terá acesso livre à nova gestão do país.

O Popular: PT sempre foi um partido rejeitado em Goiás, Estado onde o discurso das esquerdas nunca sensibilizou a população

Goiás

O partido do ex-presidente Lula raramente vence eleições em Goiás, onde um eleitorado conservador – sob influência do agronegócio – rejeita fortemente o PT e apoia maciçamente o impeachment de Dilma. É o que diz o jornal O Popular, em reportagem especial neste sábado. Confira.

Marconi visita novo Terminal do Santa Genoveva e afirma: “Ninguém lutou mais por esse aeroporto do que eu”

Goiânia, Goiás

“Eu não pude estar na entrega das obras. Fiz esta visita porque ninguém lutou mais por esse aeroporto, ninguém trabalhou mais para destravar essa obra no Tribunal de Contas da União do que eu”. De fato, ao longo dos últimos 15 anos, Marconi liderou mais de 100 audiências e reuniões em Brasília para destravar o andamento das obras.