Novo trio parada dura de Goiás: Caiado, CUT e MST. A incoerência do senador atinge nível estratosférico…

Goiás

Na audiência da venda da Celg, na Acieg, o senador Ronaldo Caiado foi até aplaudido pelos integrantes de MST e CUT. Há alguns anos seria impossível imaginar juntos Caiado, MST e CUT, afinal de contas o senador sempre xingou e detonou os esquerdistas amigos do ex-presidente Lula. O lance é que Caiado precisa atacar o governo estadual e então se une aos movimentos radicais. Caiado agora é companheirão de Mauro Rubem e formou um trio parada dura com MST e CUT.

A dolce vita de Daniel Vilela em Brasília: Câmara estica Carnaval de deputados e o trabalho volta só depois do dia 12 de fevereiro

Goiás

Tá tranquilo, tá favorável para Daniel Vilela (PMDB). Não bastasse o recesso de 45 dias, os parlamentares aprovaram esticada no feriado de Carnaval. Assim não haverá sessões entre os dias 10 e 12 de fevereiro. Já que vai ficar esse tempo todo sem trabalho em Brasília, Daniel poderia ajudar o pai, o prefeito Maguito Vilela, lá em Aparecida de Goiânia. Tem buraco demais na cidade.

Assista, leitor, vídeo que flagra o ex-deputado petista Mauro Rubem incitando baderna e empurra-empurra em audiência contra a venda da Celg

Goiás

Assista, em primeira mão, vídeo que prova a responsabilidade do ex-deputado estadual Mauro Rubem (PT) na baderna e no empurra-empurra que tumultuou a audiência pública sobre a venda da Celg nesta quarta-feira, na Acieg. No vídeo, Mauro chama os baderneiros vestidos de vermelho a se aproximarem do portão fechado com a provável intenção de forçar o arrombamento e furar o bloqueio da Polícia Militar.

Acontece agora: pais estão na porta de colégio em Anápolis para pedir que invasores deixem a escola e as aulas sejam retomadas

Anápolis, Goiás

Pais de alunos estão neste momento na porta do Colégio Estadual Herta Layser O’Dwyer, em Anápolis, para pedir que os invasores deixem a escola e as aulas sejam retomadas. Outras 11 unidades foram desocupadas nas últimas semanas a pedido das famílias, que temem que o ano letivo seja prejudicado.

Inversão de valores: deputado José Nelto manifesta apoio a colega que distribuiu sopapos e que provocou disparo de tiro na sede do PMDB 

Goiás

O mundo está de cabeça para baixo. Prova disso é que o líder da bancada do PMDB na Assembleia Legislativa, deputado José Nelto, divulgou nota em que manifesta apoio ao colega e também deputado Paulo Cézar Martins por distribuir sopapos e provocar o disparo de um tiro dentro da sede do partido, na última quinta-feira, protagonizando um dos episódios mais lamentáveis da história do PMDB goiano.

PMDB em frangalhos: às vésperas da eleição do novo diretório, aliados de Iris e Maguito se engalfinham numa guerra que tem desde tiro até pedidos de impugnação

Goiás

Depois de muito bate-boca, intervenções judiciais, trocas de sopapos, roubo de documentos e disparo de tiro na sede do PMDB, aliados dos ex-governadores Iris Rezende e Maguito Vilela, que rivalizam pelo comando do diretório, inauguraram no fim de semana mais uma etapa do confronto, marcada pela enxurrada de pedidos de impugnação.

Afirmamos que o “ato nacional” contra as OSs, promovido pelo Sintego, MST, UBES e UNE foi um fiasco, comprova o isolamento da esquerda radical em Goiás e provamos com mais esta foto. Confira, leitor

Goiânia, Goiás

O Goiás 24Horas mata a cobra e mostra o pau: aí está a foto que prova, mais uma vez, que o “ato nacional contra as OSs na Educação”, convocado pelo Sintego, MST, UBES, UNE e outras entidades radicaloides, na manhã desta terça, na Praça Cívica, resultou em um monumental fracasso. Não tinha quase ninguém para “protestar”. Não foi um “ato nacional” e sim um “vexame nacional”.

Fiasco: “protesto” contra as OSs convocado pelo Sintego, MST, UBES e UNE com anúncios na televisão em todo o Estado, reúne 80 pessoas na Praça Cívica

Goiânia, Goiás

O “protesto” contra as organizações sociais na Educação estadual, convocado pelo Sintego, MST, UBES e UNE c om anúncios pagos na televisão, acontece neste momento na Praça Cívica e é… um fiasco. Com algum otimismo, é possível calcular em 80 o número de manifestantes. O fracasso do evento evidencia o quanto as entidades radicais e corporativistas estão isoladas da sociedade.

Jornalista especializado em economia Lauro Veiga afirma que o balanço de 2015 mostra que o Governo do Estado “alcançou sucesso no controle de gastos”

Goiás, Imprensa

Na edição desta terça do diário O Hoje o jornalista especializado em economia Lauro Veiga analisa o balanço fiscal e financeiro do Governo do Estado referente a 2015 e conclui que “houve sucesso no controle de gastos”. Os números são bem melhores que os de 2014 e apontam para o fim do déficit primário, já que houve superávit de R$ 1,1 bilhão. Confira.

“Protesto” contra as OSs caminha para o fim, depois de isolado pela própria sociedade e despertar a reação negativa de pais e alunos

Goiás

Caminha para final pífio o “protesto” contra as organizações sociais na gestão compartilhada das escolas estaduais: subiu para 13 o número de unidades desocupadas, a maioria por pressão dos próprios pais e alunos. O”protesto” não teve nenhum apoio social por 2 motivos:1) foi infiltrado por ativistas profissionais estranhos à Educação e 2) não conseguiu explicar porque é contra as OSs.

Encontro do PMDB em Jaraguá, liderada por Daniel Vilela e José Nelto, reúne menos de 15 pessoas em clima de total desânimo

Goiás

Daniel Vilela e os deputados estaduais José Nelto e Paulo Cezar Martins estiveram em Jaraguá reunidos com a comissão executiva municipal do partido. Pouquíssima gente compareceu e a foto ainda mostra desânimo flagrante de quem estava lá ouvindo o trololó de Daniel. Entre as lideranças estavam Zé Botafogo, Zequinha, Vilmarzinho e Quézia.

Isso é Goiás: Jornal Opção diz que Alexandre Baldy será candidato a prefeito de Anápolis não por ideias ou propostas, mas por um motivo muito óbvio: “Tem muita grana”

Anápolis, Eleições, Goiás

O deputado federal Alexandre Baldy, do PSDB, será candidato a prefeito de Anápolis, informa o Jornal Opção. Mas não pelas ideias e propostas para a cidade, que nunca apresentou, mas porque “tem muita grana”, diz o semanário. Baldy é genro de Marcelo Limírio, o 126º homem mais rico do Brasil e o 3º de Goiás, segundo a revista Forbes.

Tiro de segurança de Paulo Cezar dentro do diretório atingiu o coração do PMDB e prova “que o partido ainda usa os velhos métodos e não o debate de ideias para resolver conflitos”

Goiás

É o que diz o editorial deste domingo do Jornal Opção. Segundo o semanário, a pouca idade de Daniel Vilela e os 82 anos de Iris Rezende dão no mesmo lugar, quanto à falta de sintonia do PMDB goiano com a modernidade de Goiás. Por isso, diz o jornal, o tiro disparado dentro da sede do diretório do partido é um sinal de alerta para a caduquice das ideias que ainda restam dentro do PMDB.

Para o Jornal Opção, “nos últimos 15 anos, o PMDB nunca apresentou uma crítica consistente, persuasiva.  E quem ganha com isso é sempre Marconi”

Goiás

O editorial do Jornal Opção desta semana, além de sugerir ao deputado federal Daniel Vilela que se moderniza e deixe de lado práticas arcaicas, afirma que o PMDB sempre foi incapaz de formular uma crítica consistente ao governador Marconi Perillo. “E isso facilita as coisas para Marconi”, conclui o texto.

“Para renovar o PMDB, Daniel Vilela precisa se modernizar, porque não basta apenas ser jovem, é preciso  compreender a sociedade e caminhar um pouco adiante dela”, alerta o Jornal Opção

Goiás

“Não basta ser jovem. É preciso entender a sociedade, compreender suas reivindicações e caminhar um pouco adiante dela, como líder, indicando caminhos”. Este é conselho do Jornal Opção para o deputado federal Daniel Vilela, de pouca idade, mas afeitos a práticas antiquadas.

Charge de Jorge Braga debocha da relação de Caiado com seu mais novo amigo, o MST

Goiás

Para atacar o governo de Goiás e ganhar holofotes, o senador Ronaldo Caiado costuma mergulhar num mar de contradição e se apropria de discursos e bandeiras de quem costuma xingar. A charge de Jorge Braga debocha desse oportunismo de Caiado. O parlamentar é mostrado junto com integrantes do MST. É que Caiado costuma se reunir com sindicalistas da Cut e Stiueg para gritar contra a venda da Celg.

Altair Tavares diz que o sumiço de documentos do diretório do PMDB revela que há “ladrões” dentro do partido. Bem, não chega a ser propriamente uma novidade…

Goiás, Imprensa

Altair Tavares denuncia, em artigo na Tribuna do Planalto, a existência de “ladrões” dentro do PMDB goiano. Calma, leitor. Não são esses em que você está pensando. Os “ladrões” a que Altair Tavares se refere são os que surrupiaram os documentos de 52 diretórios municípios. Confira.

Iris, Vanderlan, Antônio Gomide, Daniel Vilela: esses são só alguns dos políticos que tentaram fechar o Goiás 24 Horas, mas foram derrotados na Justiça

Goiás, Imprensa

Iris Rezende, Vanderlan Cardoso, Antônio Gomide e Daniel Vilela são apenas alguns dos políticos que reagiram às críticas do Goiás 24 Horas com processos tentando censurar e fechar o blog. Mas perderam todas, através de sentenças de juízes goianos que hoje constituem-se em uma formidável jurisprudência a favor da liberdade de imprensa no Brasil.

Goiás 24Horas completa 3 anos como referência inovadora de jornalismo na internet e mais de 30 vitórias na Justiça em defesa de liberdade de expressão

Goiás, Imprensa

Em fevereiro, o Goiás 24Horas completa 3 anos de vida, já na posição de um dos 5 sites noticiosos mais acessados de Goiás. O blog conquistou audiência com um modelo inovador de jornalismo opinativo, que é detestado por políticos como Iris Rezende, Vanderlan Cardoso, Antônio Gomide ou Daniel Vilela – para citar só alguns dos que processaram o G24Hs e perderam. Um brinde, leitor!!!

Que PMDB é esse? Ulisses Aesse, no DM, diz que, pela primeira vez na história, as pendências internas de um partido vão parar na delegacia de polícia

Goiás, Imprensa

Esse é o partido que quer voltar ao poder em Goiás: segundo o colunista Ulisses Aesse, do Diário da Manhã, o PMDB agora resolve as suas pendências internas em uma delegacia de polícia. A confusão na sede estadual do partido, inclusive com um tiro de revólver, virou ocorrência policial e vai ser investigada pelas autoridades.