Editora Globo também registra queda na venda de revistas. Época vende menos do que 400 mil exemplares por semana

A editora Globo também enfrenta problemas de queda de vendas de suas publicações. De 2011 a 2012, Época perdeu leitores e hoje vende menos do que 400 mil exemplares.

Veja a notícia do Observatório de Imprensa:

 

Editora Globo

Não é mais fácil a vida da Editora Globo. A Época caiu (sempre de 2010 a 2012, circulação média, segundo o IVC) de 408 mil para 389 mil (-4,5%), a Marie Claire, 206,2 mil para 182,7 (-11,4%) e a Galileu, de 149 mil para 127 mil (-15%). Das demais revistas das Organizações Globo que tiram perto ou mais de 100 mil exemplares, Pequenas Empresas, Grandes Negócios está parada na faixa de 105 mil, Casa e Jardim aumentou de 120,2 mil para 124,4 (+ 3,5%) e AutoEsporte, de 103,9 mil para 109,7 mil (+ 5,6%). A revista Quem recuou de 110,3 mil para 83,2 mil (-24,5%).

 

LEIA MAIS:

Crise dos impressos: circulação de revistas da Abril cai e editora anuncia demissões de jornalistas