“É paliativo”, resume Pulcineli sobre o programa Ganha Tempo das empresas, que Paulo Garcia assumiu

Em artigo avassalador sobre a quebra de expectativas em relação ao segundo mandato do prefeito Paulo Garcia (PT), a jornalista Fabiana Pulcineli diz nesta segunda-feira, em O Popular, que o programa Ganha Tempo não passa de “paliativo”.

A jornalista lembra que, apesar de um novo nome, o suposto benefício já existe: “Semelhante ao Cartão Integração, que já existia, e paliativo, o programa não exime a Prefeitura de fazer o que nunca fez: cumprir o contrato não só na parte que trata de reajuste anual da tarifa, mas também naquela que exige melhorias na qualidade do serviço”.

O prefeito Paulo Garcia, segundo Fabiana Pulcineli, vem errando desde que assumiu o seu segundo mandato. “É a insistência em minimizar os problemas ou não querer enxergar a realidade”, explica, não sem antes ironizar as declarações do prefeito de que recebeu convite para ir a Belo Horizonte para ministrar palestra sobre a “qualidade” do transporte coletivo de Goiânia.