Paulo Garcia traz a goiana Olga Curado para ensinar Aikidô à equipe de secretários. É meio maluco, mas é pura verdade

O prefeito Paulo Garcia trouxe a jornalista Olga Curado a Goiânia nesta segunda-feira para participar de seminário com sua equipe de auxiliares com vistas a tentar melhorar a comunicação da Prefeitura de Goiânia e, por consequência, de sua aprovação popular.

Os números decrescentes da pesquisa Serpes e o artigo da jornalista Fabiana Pulcineli, ambos publicados nesta segunda-feira em O Popular, acenderam a luz amarela no Paço Municipal.

Para o leitor que não conhece a jornalista, Goiás 24 horas dá algumas pistas.

Olga não atende os clientes pelos métodos tradicionais.

Autora do livro “Viver sem Crise”, ela ensina um caminho alternativo através do sistema Aikidô, que como nas artes marciais, é uma filosofia oriental que serve de guia para tomada de decisões cotidiana de gestores.

No livro, Olga diz que “energia (ki) é tudo o que pode ser transformado em trabalho”.

Assim, ela aplica seus conhecimentos de várias maneiras, defendendo, por exemplo, que o tipo de energia que o gestor aplica aos seus relacionamentos dentro da empresa pode ser determinante. “Sua relação com os subordinados não podem ser um combate”, aponta.

A técnica do Aikido inclui movimentos corporais.

São muitos exercícios aprendidos no dojô e usados em treinamentos de liderança como este, que Olga também ministra Brasil afora.

É meio maluco, mas é isso que o prefeito e os secretários passaram a manhã fazendo no Address Hotel, em Goiânia.

 

LEIA MAIS:

Luz amarela no Paço: Paulo Garcia reúne equipe de última hora para avaliar queda acentuada em pesquisa