Paulo Garcia, que é médico, fica calado sobre caso que repercutiu na mídia nacional

O prefeito de Goiânia, Paulo Garcia (PT), que é médico, não se pronunciou sobre o caso da mulher que deu à luz no saguão de espera de uma maternidade da Prefeitura de Goiânia.

Documentado em vídeo, o caso ganhou repercussão nacional e foi replicado em todos os sites de notícias do país.

As cenas são chocantes. Mas Paulo Garcia, dentro do seu tradicional estilo de omissão, não deu satisfações sobre o assunto.

Em artigo em O Popular, na última segunda-feira, a jornalista Fabiana Pulcineli escreveu que o prefeito é arrogante, não pratica o diálogo e tem uma tendência irrefreável para minimizar a importância mesmo de casos graves.

Taí mais um exemplo.

 

LEIA MAIS:

Principal assunto do Brasil Urgente (Band) e Cidade Alerta (Record): parto na recepção de maternidade comandada pelo prefeito Paulo Garcia

Insensível ao drama da mulher que deu a luz no banco de Maternidade Municipal, Paulo Garcia prefere o silêncio

Essa é a Saúde de Paulo Garcia: mulher dá a luz na recepção da Maternidade Nascer Cidadão, em Goiânia

Cenas do bebê que nasceu na recepção de Maternidade municipal são chocantes. E Paulo Garcia é médico

Não dá pra entender: secretário diz que não houve negligência no caso do parto, mas afasta servidores

Paciente arrastado, homem desmaiado na porta de Cais e agora uma mulher dá a luz no chão. Esta é a saúde de Paulo Garcia…