Otoni fala que “grande encontro” de Anápolis atraiu 300 petistas, mas posta foto só da mesa. Muito espertinho ele, não?

O deputado federal Rubens Otoni (PT) colocou no seu site de notícias a informações de que o “grande encontro” de Anápolis reuniu cerca de 300 petistas.

Mas ilustrou a matéria com uma foto da mesa do evento e não da plateia.

Ou seja: não comprovou e usou de esperteza para esconder o fiasco.

Mesmo que tivesse reunido 300 petistas já seria um fracasso. A cidade é governada por Antônio Gomide, petista da gema, reeleito com mais de 80% dos votos de uma cidade com quase 300 mil eleitores.

Veja a matéria e a foto:

 

Mais de 300 petistas no 11º encontro em Anápolis

O deputado federal Rubens Otoni participou nesta quarta-feira, 15, do 11º Encontro Regional do Parido dos Trabalhadores que reuniu mais de 300 petistas no plenário da Câmara de Vereadores de Anápolis. Otoni discursou sobre conjuntura nacional, as prioridades de se reeleger a presidenta Dilma Rousseff e também colocar um petista pela primeira vez no Palácio das Esmeraldas. Ele também falou do Processo de Eleições Diretas (PED) do PT, que no dia 10 de novembro vai eleger diretórios em todos municípios brasileiros com garantia de paridade de gênero e cota para jovens e racial. Segundo o parlamentar, a constituição de diretórios de forma eficiente, fortalece o partido e é o primeiro desafio do PT com vistas às eleições do ano que vem. “Fazer bem a tarefa do PED para estar forte no ano que vem”, discursou.

O líder petista defende a ampliação do leque da aliança de apoio a Dilma Rousseff, para garantir a reeleição presidencial e ao mesmo tempo disputar a eleição para o governo do Estado e vencer. Rubens ressaltou a legitimidade do PT em pleitear a cabeça da chapa majoritária. “Temos nomes forte em Goiás, o PT provou que sabe administrar bem o Brasil e podemos repetir isso em Goiás. Destacou o nome do prefeito de Goiânia, Paulo Garcia e o de Anápolis, Antônio Gomide. Lembrou que ambos se reelegeram no primeiro turno das eleições municipais e Antônio Gomide, com 89% dos votos válidos, foi o prefeito mais bem votado do Brasil em termos proporcionais.

Rubens Otoni, disse que os demais aliados também devem apresentar seus nomes no momento certo e que o candidato será escolhido pelo grupo, porém, diz que “claro que queremos que o escolhido seja do PT e para convencer os demais temos que ter um partido forte”, pregou. Ele também defendeu que o PT lance chapa completa para deputados federal e estadual.

Antônio Gomide

O prefeito de Anápolis, Antônio Gomide, seguiu o mesmo diapasão do deputado federal. Declarou que nas viagens que faz pelo Estado “temos notícia de quanto Goiás precisa do PT, até pessoas aliados ao atual governador nos diz que esta é a vez do PT”, comemorou Gomide.

Também reforçou a necessidade de se fazer alianças e lembrou que isso foi ensinado por Lula. Noticiou que o ex-presidente estará em Goiânia no próximo dia 20 para comemorar os 10 anos do PT na administração Federal. Recordou que Lula governou o Brasil por 8 anos e concluiu seu governo com a popularidade de 85% e que também a presidenta Dilma em seu segundo ano de governo tem popularidade acima de 70% Ele também informou que, segundo pesquisas, 29% do eleitorado brasileiro declara preferência por governos do PT contra apenas 6% do segundo colocado.

Público

Dentre os mais de 300 petistas presentes ao encontro em Anápolis, que foi coordenado pelo presidente estadual do PT, Valdi Camárcio, além de Rubens Otoni e Antônio Gomide, estavam também os deputados estaduais Luiz César Bueno e Mauro Rubem, o vice-prefeito de Anápolis João Gomes, o prefeito de Leopoldo de Bulhões Jefferson Louza , o prefeito de Silvânia Zé Faleiro , o presidente da Câmara de Anápolis Luiz Santos Lacerda e os outros cinco vereadores que formam a bancada petista na Casa, o vice-presidente estadual do PT Céser Donizete, o secretário estadual de Organização do PT Madson Veiga, secretários e vereadores de diversos municípios, representantes de Coletivos do PT, secretários de diversas prefeituras, lideranças e militantes. A deputada Federal, Marina Sant’Anna e o deputado estadual Karlos Cabral, enviaram representantes.

 

Leia mais:

Confirmadíssimo: “grande encontro” do PT em Anápolis teve plateia de no máximo 60 pessoas. Aí está a foto…

Em Anápolis, enfim, um “grande encontro” do PT com plateia. E aí Mauro Rubem não publica foto da mesa

Em Indiara, novo fiasco. “Grande encontro” do PT de Goiás não reúne ninguém

Venhamos e convenhamos: isso é público para um “grande evento”, como disse O Popular?

Outro fiasco: Mauro Rubem esconde plateia ao postar foto do PT em Rio Verde

“Grande encontro” do PT, neste sábado, em Rio Verde junta menos de 50 abnegados