Dia histórico: o maior parasita dos movimentos sociais fugiu da manifestação de hoje em Goiânia

Depois de anunciar no Twitter que estaria na manifestação de hoje no Centro de Goiânia, inclusive como presidente da Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa, o deputado Mauro Rubem – disparadamente o maior parasita dos movimentos sociais de Goiás – não apareceu no protesto.

Nas cinco manifestações realizadas até agora, mais focadas na reclamação contra o aumento abusivo da tarifa do transporte coletivo na Grande Goiânia, Mauro Rubem também não foi a nenhuma.

Esse é realmente um dia histórico: primeiro, claro, pela força da manifestação realizada em Goiânia e, segundo, porque a figurinha fácil de todo e qualquer ato público – porém, do seu interesse político, lógico – não deus as caras e preferiu se omitir.