TV Anhanguera tenta minimizar ataque a veículos do GJC e diz que só haviam “oito ou dez vândalos” no protesto. Qual é?

Os ataques contra jornalistas e veículos do Grupo Jaime Câmara, na manifestação da noite desta segunda-feira em Goiânia, estão sendo tratados – pelo menos pelos noticiosos da TV Anhanguera – como meros atos de vandalismo.

No Bom Dia Goiás e no Jornal Anhanguera 1ª Edição, os apresentadores e os repórteres que falaram nas matérias se esforçaram para caracterizar a ação como “baderna” e “arruaça”, chegando mesmo a afirmar que os envolvidos nessas ações não passavam de 8 a 10 “vândalos”.

Não é verdade.

Teve muito mais manifestantes envolvidos.

E não são atos isolados, porque um dos principais alvos dos protestos de rua, não só em Goiânia, como em todo o Brasil, é a grande imprensa – da qual, em Goiás, os veículos do Grupo Jaime Câmara são os maiores símbolos.

A depredação de veículos do GJC precisa ser entendida como um sinal de insatisfação popular com a linha editorial dos veículos da empresa- outras emissoras de TV também são alvo das manifestações em Goiânia.

Para minimizar os ataques, a TV Anhanguera criou até uma separação: tem manifestantes do bem e manifestantes do mal. Quem atacou os veículos, obviamente, teriam sido os do mal.

Antes, só havia “manifestantes”.

Eles, os jornalistas, repetem incansavelmente que um “pequeno grupo” foi o responsável pela depredação dos veículos do GJC (apareceram agora imagens também de um caminhão da empresa sendo atacado por manifestantes ou “vândalos”, conforme esclareceu a apresentadora Lilian Lynch).

Veja a cena no link:

http://g1.globo.com/videos/goias/jatv-1edicao/t/edicoes/v/veja-cenas-de-depredacao-do-protesto-da-ultima-segunda-feira-24-em-goiania/2654431/

 

LEIA MAIS:

“Imprensa nojenta, não me representa”, gritam manifestantes para repórteres da mídia tradicional em Goiânia. Tá ficando grave!

Repórter da TV Anhanguera tira terno e logotipos do GJC e Globo durante protesto para garantir segurança

Ataque a carro de O Popular é o primeiro contra um jornal impresso em todo o país

Ataque dos manifestantes à grande imprensa deixa jornalistas perplexos e desorientados

Repórter do POP erra ao afirmar que PM iniciou confronto. TV Anhanguera mostrou que foram os manifestantes

Fúria contra imprensa: manifestantes atacam carros de O Popular e TV Anhanguera

Alguns “manifestantes” tentaram agredir repórter da TV Anhanguera e polícia entrou em ação