Cassada por compra de votos, ex-vice-prefeita de Planaltina vai à filiação de Wilder no Pros

Além de Eurípedes Júnior, o presidente nacional do Pros que foi condenado à prisão por desvio de dinheiro público em 2018, outra “celebridade” da festa de filiação do ex-senador Wilder Morais ao partido neste sábado, em Goiânia, foi a ex-vice-prefeita de Planaltina Pastora Cida – mãe de Eurípedes. Pastora Cida foi cassada do cargo de vice-prefeita sob acusação de compra de votos na eleição. O Ministério Público provou que ela ofereceu cargos em troca de poio político.