Parte do governo atribui a Tony Carlo o fracasso da comunicação de Caiado

Com a popularidade do governador caindo pelas tabelas, segundo as próprias pesquisas internas, a comunicação do governo Caiado foi parar no divã. A crise e os culpados dela são assuntos nas rodas do alto caiadismo. Uma parte significativa do governo atribui ao jornalista Tony Carlo a responsabilidade pelos erros na comunicação. Apesar de acompanhar Caiado há tempos, dizem que é inexperiente e omisso, o que, associado à uma boa dose se soberba e arrogância, cria uma combinação desastrosa. Ele ainda está envolto numa briga de poder com os adversários domésticos e sofre ataques de todos os lados. Para azedar tudo, não tem a simpatia da primeira-dama Gracinha Caiado.