Pesquisa Serpes: eleitor diz querer o “novo”, mas na hora de escolher dá preferência aos nomes já conhecidos

Se tem uma qualidade que não se pode cobrar do eleitorado brasileiro, essa é a coerência.

Senão vejamos a pesquisa Serpes publicada neste domingo pelo jornal O Popular.

A pesquisa questiona os entrevistados sobre a possibilidade de um nome novo para do Governo do Estado e 76,3% respondem entusiasmados que, sim, querem um “nome novo”.

Tá.

Aí, em outro capítulo, a pesquisa Serpes apresenta uma série de nomes “novos” e ‘”velhos”. Era de se esperar que os “novos” tivessem algum destaque ou pelo menos se saíssem próximos dos “velhos”, mas qual… a pesquisa revela que os nomes “velhos” são maciçamente preferidos, em detrimento dos “novos”

Marconi Perillo, Iris Rezende, Vanderlan Cardoso e Ronaldo Caiado – quatro dos nomes “velhos”, uma vez que todos já disputaram eleições para governador – totalizam 65,7% das intenções de voto para governador, enquanto Antônio Gomide, Júnior Friboi, Samuel Belchior e Giuseppe Vecci – que nunca disputaram eleições para governador e portanto são teoricamente “novos” – somam apenas 11,8%b das intenções.

Isso significa, sem dúvidas matemáticas, que os mesmos eleitores que em etapa da pesquisa Serpes respondem que querem um nome “novo”, em outra parte escolhem nomes “velhos” e se recusam a consagrar qualquer novidade.

Essa forte contradição da pesquisa não foi mencionada nem pela repórter Fabiana Pulcineli, que escreveu a matéria, nem pela editora-chefe Cileide Alves, que fez um comentário a respeito, ambas “comemorando” a suposta preferência pelo “novo”.

As duas ignoraram esse aparentemente insignificante “detalhe”, mas de importância decisiva dentro da lógica – ou falta de – interna da pesquisa: o eleitor quer o “novo”, mas prefere votar no “velho”.

 

LEIA MAIS:

Site nacional, Brasil 247 repercute pesquisa: “Perillo lidera 1ª Serpes sobre disputa de 2014″

Marconi com a faca e o queijo na mão: se entregar as obras prometidas, leva a eleição em 2014

Serpes/O Popular: Friboi e Paulo Garcia são os grandes derrotados na 1ª pesquisa

Gomide, prefeito de Anápolis, lidera corrida para o Senado. Demóstenes aparece em 5º

Na pesquisa espontânea, Marconi bate Iris por 24% a 14,5%. Vantagem de 9,5 pontos

Marconi lidera a primeira pesquisa Serpes/O Popular sobre a eleição de 2014