Vanderlan é o maior prejudicado pela pesquisa Serpes: Caiado está na cola dele e não tem porque não ser candidato

A pesquisa Serpes publicada neste domingo por O Popular tem beneficiados e prejudicados.

O governador Marconi Perillo, por exemplo, ressurgiu como um candidato sólido, em condições de ganhar a reeleição. É possível até que seja o maior beneficiado pela pesquisa.

Mas, vamos ver quem foi o principal prejudicado.

Sem dúvida nenhuma, o empresário “socialista” Vanderlan Cardoso.

Em política, ninguém é bobo. É óbvio que Vanderlan passou a circular acompanhado (ou acompanhando) o deputado federal Ronaldo Caiado, na certeza de que as pesquisas mais cedo ou mais tarde mostrariam a sua superioridade e – como o acordo entre os dois é que será candidato aquele que estiver em melhor situação – ele, Vanderlan, seria o ungido.

Deu zebra.

Olha os resultados da pesquisa Serpes. Na espontânea, Vanderlan tem 4,5% e Caiado 3,5%. Na estimulada, Vanderlan 9,0% e Caiado 6,5%.

Surpresa.

Pelos padrões “interna corporis” estabelecidos pela “terceira via”, Caiado agora pode, sim, ser o candidato. Ele está nos calcanhares de Vanderlan, é mais conhecido e respeitado que o empresário e basta um pouquinho de movimentação para alcançar e superar o dono dos salgadinhos Micos nas pesquisas, que hoje tem muito menos intenções de votos do que teve sufrágios obtidos na eleição de 2010.

Vanderlan vinha se comportando como candidato certo. Agora, o cenário mudou.