EXCLUSIVO Tony Carlo conspira nos batisdores para derrubar Marcos Silva da comunicação de Caiado

Rola entre os profissionais de imprensa e donos de veículos de comunicação que o jornalista Tony Carlo, assessor imprensa do governo Caiado e chefe do gabinete do ódio do palácio, cerrou fogo amigo e trabalha 24 horas por dia para derrubar Marcos Silva da secretaria estadual de Comunicação.

Tony se fortaleceu no entorno do governador com o afastamento da primeira-dama Gracinha Caiado, de quem é desafeto, e assumiu o comando do jornalismo, mas quer também a caneta com poder para autorizar a mídia.

A queimação de Silva é baseada no argumento de que ele estaria trabalhando no governo para abrir espaço à Rede Record, da qual foi gerente-geral em Goias, em detrimento do Grupo Jaime Câmara.

Nos bastidores, a guerra é feia.