Olha o besteirol de quem não entende nada de Direito: Mauro Rubem quer “debate” com Marconi em audiência que nunca vai acontecer

O deputado estadual Mauro Rubem (PT) não entende nada de Direito.

Como desculpa, até que ele tem o detalhe de ser formado em odontologia, coitado.

Indignado depois de ter sido condenado – e desmoralizado – a retirar das suas redes sociais os posts difamatórios que publicou contra o governador Marconi Perillo, Mauro saiu-se com besteira atrás de besteira.

Olha essa aqui: no Twitter, ele disse que pretende aproveitar a “audiência” que terá na Justiça, junto com Marconi, para “debater” com o governador.

Deixa de ser idiota, deputado. Essa “audiência”, junto com Marconi, nunca vai acontecer.

Audiências que confrontam o autor, no caso, Marconi, e o réu, no caso, Mauro Rubem, só acontecem na Justiça Penal, em caráter obrigatório.

Já na Justiça Cível, a audiência ocorre, sim, mas o autor não precisa comparecer e pode ser representado pelo seu advogado. É óbvio que, sendo alguém muito ocupado, o governador não irá ao Fórum, deixando essa tarefa para os seus representantes – de forma perfeitamente legal.

A ideia de aproveitar uma “audiência” judicial para “debater” com a outra parte é uma estultice sem tamanho do deputado. Audiências são coisa séria e, a julgar pela severidade do juiz Ricardo Teixeira Lemos, que está conduzindo o processo e já deu uma condenação liminar para o parlamentar, uma tentativa de “debater” assuntos estranhos ao processo seria reprimida energicamente e poderia até agravar a situação do réu, no caso, Mauro Rubem..

Ou seja: o deputado levaria um belo pito por tentar fazer média em um ambiente que não é nem um pouco propício para isso.

Antes de escrever asneiras no seu Twitter, Mauro Rubem deveria se consultar com um advogado.

 

LEIA MAIS:

Punido por caluniar, Mauro Rubem faz gracinhas. Mas quem persegue é ele, com suas acusações sem provas

Juízes goianos abrem mudança histórica ao impedir que imunidade parlamentar seja sinônimo de irresponsabilidade

Se quiser continuar caluniando o governador, Mauro Rubem terá que pagar R$ 1 mil por dia

Ricardo Teixeira Lemos: saiba quem é o “juiz-coragem” que condenou Bordoni, Fernando Morais e Mauro Rubem

Juiz da 7ª Vara Cível diz que Marconi “é pessoa humana” e não merece ser caluniado por Mauro Rubem

Fabiana engole o trololó de Mauro Rubem, que mente (e ela aceita) sobre o motivo real da liminar da Justiça Estadual

Afinou: Mauro Rubem diz que só fez “comentários sobre a situação do Estado”. Mentira, ele caluniou mesmo

Juiz, em liminar, diz que agressões de Mauro Rubem, a Marconi, nas redes sociais, “são criminosas”