Vídeo, no site do PMDB, com discurso de Iris, mostra que ele continua atrasado e demagogo

Um vídeo postado no novo site do PMDB – aquele que foi prometido como inovador no “plano estratégico de comunicação” do partido, mas continua uma porcaria – mostra que o discurso do ex-prefeito, ex-governador, ex-ministro e ex-senador Iris Rezende continua atrasado e demagogo.

Trata-se de um trecho de quase cinco minutos do discurso de Iris no encontro regional do PMDB em Catalão.

Iris fala como se fosse dotado do dom da infalibilidade. Suas afirmações são absurdas, em alguns casos, e simplesmente ridículas, em outros. No vídeo, por exemplo, ele diz que “o povo está morrendo à míngua” e que “os hospitais estão caindo”.

Claro, ele não cita nenhum caso de ninguém que tenha morrido à míngua. Também não aponta quais hospitais estão caindo. Ao falar sobre segurança pública, Iris garante que “o povo está com medo de sair à noite”.

Olha só que maluquices. O velho cacique peemedebista não fundamenta nada, não explica nada, não comprova nada, só faz afirmações que, deve acreditar, bastam sair da boca dele para que sejam consideradas verdadeiras.

Para variar, não há propostas para Goiás. Só ataques ao Governo, através de um linguajar que remonta aos tempos pré-ditadura militar. O tom é professoral, distribuindo lições sobre como fazer política – lições que desprezam os meios modernos de comunicação e mostram apenas saudosismo.

É um horror.