Goiânia não tem previsão para volta das aulas presenciais, diz prefeitura

A Secretaria Municipal de Educação de Goiânia (SME) informou que não há previsão para retorno das aulas presenciais na capital. Segundo nota enviada ao jornal A Redação pela pasta nesta segunda-feira (4/1), no momento são esperadas novas orientações de autoridades sanitárias para se ter decisões acerca do retorno do regime presencial na rede de ensino do município.

De acordo com a SME, as deliberações são feitas em conjunto com a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) da capital. Os quadros epidemiológicos seguem sob avaliação, principalmente após as festas do final de ano. “Toda a construção dos protocolos dependerá da avaliação [epidemiológica]”, informou a pasta.

A ausência de previsão do retorno das aulas presenciais em Goiânia vai na contramão da determinação divulgada pelo Governo de Goiás, que previu a volta do regime para este janeiro, em formato híbrido.

A pasta estadual da Educação sugeriu retorno com revezamento e presença de 30% dos alunos, mas de modo não obrigatório. Ou seja, aqueles que optarem pelo ensino a distância poderão seguir nesta modalidade.