Rejeição a Bolsonaro dispara e chega a 40%, diz Datafolha

A rejeição do presidente Jair Bolsonaro cresceu em meio ao agravamento da pandemia da Covid-19. Segundo a pesquisa Datafolha divulgada nesta sexta-feiira (22), 40% da população considera seu governo ruim ou péssimo, ante 32% em dezembro.

Já os que consideram o governo do presidente ótimo ou bom caiu de 37% para 31% neste novo levantamento e 26% consideram o governo regular.

O presidente tem a segunda pior avaliação entre os presidentes eleitos desde a redemocratização e só perde para Fernando Collor (PRN), que tinha rejeição de 48% e aprovação de 15% em 1992.