Avanço da covid: Caiado propõe lei seca em bares de Goiás a partir das 22h

Veja matéria do Mais Goiás:

Em videoconferência com prefeitos, representantes do Judiciário, Legislativo e setores da sociedade, o  governador Ronaldo Caiado (DEM) disse que é a favor da aplicação de lei seca em base de Goiás a partir das 22 horas, como forma de inibir aglomerações e conter a curva ascendente de casos e de óbitos por covid-19. O assunto está em discussão neste exato momento. Caiado propõe inclusive o uso de forças de segurança para garantir que a lei seca seja respeitada.

O governador lembra, entretanto, que cabe aos prefeitos – e não a ele – assinar decretos com este teor. “Quem dá alvará de funcionamento são as prefeituras”, disse Caiado. “O que for deliberado pela maioria é o que vou acolher.”

O secretário municipal de Saúde de Goiânia, Durval Ferreira Fonseca Pedroso, afirma que concorda com o governador. “Precisa ser feita uma avaliação de permanência da abertura dos bares. Contudo, mais importante do que estabelecer uma diretriz é a fiscalizá-la”.