Mãe de Luciano Hang, dono da Havan, morre vítima de covid-19

A mãe de Luciano Hang, dono da rede de lojas Havan, morreu nesta quarta-feira (3), em São Paulo, em decorrência de complicações clínicas após contrair Covid-19. Regina Modesti Hang tinha 82 anos e estava internada desde o fim de dezembro num hospital da rede Prevent Sênior da capital paulista. Hang é bolsonarista de carteirinha e totalmente a favor do tratamento precoce com cloroquina.

A idosa apresentou um quadro febril no dia 27 de dezembro. No dia seguinte, recebeu o diagnóstico de que estava com Covid-19 e foi internada com 95% dos pulmões afetados.

No hospital, Regina precisou ser intubada e, com o agravamento de seu quadro respiratório, foi submetida a uma traqueostomia.

Ela, porém, não resistiu a uma sepse (infecção generalizada) e morreu. Regina costumava acompanhar o filho nas inaugurações das lojas Havan, que já somam 155 unidades em 17 estados do país.