Justiça condena ex-prefeita de São Miguel do Araguaia por improbidade

A Justiça condenou a ex-prefeita de São Miguel do Araguaia, Adailza Crepaldi, o ex-secretário de Obras Tayrone Luiz Parafina Filho, e o então diretor da Cooperativa de Transporte Escolar, Rodoviário de Cargas e Passageiros (Coopertranse) Everson Soffa Gomes, por ato de improbidade administrativa, em razão de irregularidades diversas na contratação.

Adailza Crepaldi e Tayrone Luiz foram condenados ao pagamento de multa civil de seis vezes o valor de suas remunerações, com correção, e também à perda da função pública, suspensão dos direitos políticos por cinco anos e proibição de contratar com o poder público ou receber incentivos fiscais ou creditícios, por três anos.

Já Everson Soffa deverá pagar multa civil correspondente a quatro vezes o valor da remuneração recebida, com correção, e condenado à perda da função pública, suspensão dos direitos políticos por quatro anos e proibição de contratar com o poder público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, pelo prazo de três anos.

A ação foi proposta em 2014 pelo Ministério Público. Apesar da condenação, foram opostos embargos de declaração pelas partes, aguardando-se a apreciação judicial dos recursos. O MP requereu esclarecimentos quanto às sanções impostas na sentença.