Wilde Cambão quer criar programa de apoio a pessoas com síndrome de down

O deputado Wilde Cambão (PSD) quer implantar em Goiás o Programa Estadual de Incentivo à Utilização da Arte Terapia e Musicoterapia para Pessoas com Síndrome de Down. Nesse sentido, o legislador protocolou o projeto de nº 4525/21, que será encaminhado para a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) após leitura  em Plenário na próxima sessão.

Segundo o parlamentar, os primeiros relatos da deficiência mental mais tarde intitulada como Síndrome de Down surgiram com sintomas peculiares em alguns pacientes. Tais indivíduos, apresentam características incomuns durante o seu desenvolvimento físico e mental.

Cambão anota que, para as pessoas com down, a arteterapia aplicada por profissionais habilitados é fundamental no processo de aprendizagem e desenvolvimento. Com isso, diz o deputado, se aplicam técnicas que ajudam a intensificar e auxiliar na consciencialização do sensorial e a sensibilidade estética, podendo proporcionar melhora na qualidade de vida.

O parlamentar acrescenta que outra técnica eficaz é a musicoterapia, por utilizar a interação musical como uma aliada na estimulação das habilidades perceptivas, motoras, cognitivas, socioemocionais e de comunicação.

De acordo com o autor da propositura, esse trabalho musicoterapêutico realizado com essas pessoas pode abarcar aspectos emocionais, sociais, psíquicos e cognitivos: dá voz às emoções, diminui estresse e ansiedade, melhora humor, sintomas depressivos e acessa memórias autobiográficas importantes para o sentido de pertencimento e identidade.

De acordo ainda com o texto do projeto, estudos recentes mostram, por exemplo, que o canto dirigido ao bebê com síndrome de down melhora atenção e autorregulação, duas funções importantes para o aprendizado e a comunicação.

Cambão finaliza sua justificativa com registro de que, ao criar esse programa de incentivo, o estado auxiliará não só os próprios pacientes com down, mas também seus familiares, que irão presenciar um desenvolvimento bastante satisfatório através do tratamento realizado com profissionais devidamente habilitados.