Oposição sem discurso e ânimo. Na Assembleia, apenas dois deputados falam no pequeno expediente. Muito fraquim

A oposição na Assembleia de Goiás parece que jogou a toalha.

O pequeno expediente desta quarta-feira, conhecido como pinga-fogo, quando o debate pé quente e pesado, teve apenas dois deputados da oposição fazendo discursos: Francisco Gedda e Mauro Rubem.

Gedda, como sempre, falou muito e não disse nada, num pronunciamento sem foco, coerência ou conteúdo. Pouca gente entende o que ele fala, por problemas de dicção e por falta de ideias.

Mauro Rubem falou sobre reforma agrária. Já foi melhor como oposição.

Em resumo, a oposição tá fraquinha, fraquinha