(Des) governo de Paulo Garcia deixou a farra dos supersalários na Comurg correr frouxa, diz Pop

Em reportagem publicada neste domingo, O Popular informa que o jornal descobriu que os supersalários e benefícios incomuns que contemplam alguns servidores da Companhia de Urbanização de Goiânia (Comurg) foram legalizados em uma Convenção Coletiva de Trabalho (CCT). O documento permite e cria condições para que servidores recebam vencimentos de fazer inveja a qualquer funcionário da iniciativa privada e sem os limites impostos à administração pública. E a Prefeitura, que paga a conta com recursos do contribuinte, não participou da edição deste documento.

Ou seja: o (des) governo de Paulo Garcia é total.