Vai ser na marra: promotor exige da prefeitura cronograma para reforma dos Cais

Se a prefeitura de Goiânia não investe na reforma e ampliação dos Cais por conta própria, terá de fazê-lo na marra. O Ministério Público de Goiás pressionou o prefeito Paulo Garcia (PT) até convencer o presidente da Comurg, Paulo de Tarso, e o Secretário municipal de Saúde, Fernando Machado, a assinar Termo de Ajuste de Conduta (TAC) no qual eles se comprometerão a fazer as obras.

O cronograma não está fechado ainda. O grupo se reunirá com o promotor Érico de Pina Cabral na próxima quarta-feira para avançar no acordo.

Fica a pergunta: precisava disso tudo? Por que a prefeitura não cumpre a sua obrigação de zelar pela Saúde pública por conta própria?