Economia de Goiás cresce ao ritmo dos tigres asiáticos, compara Marconi Perillo

Em Economia, jornal O Hoje informa que o governador Marconi Perillo (PSDB) comparou ontem o crescimento econômico de Goiás ao dos Tigres Asiáticos, durante café da manhã na Indústria Sallo, do ramo de confecções, instalada no Pólo Empresarial de Aparecida de Goiânia.

Marconi afirmou que Goiás está crescendo a números asiáticos, graças à soma de esforços de governos municipais, estadual e “algum apoio do governo federal” em determinados incentivos e, principalmente, à força empreendedora dos jovens talentos, apesar da estagnação econômica vivenciada no País há anos. “Não é à toa que Goiás teve o segundo melhor desempenho na geração de empregos ano passado, o segundo maior crescimento industrial, um dos melhores desempenhos nas exportações e foi o Estado que mais cresceu no PIB (Produto Interno Bruto)”, ressaltou.

Na mesma reportagem, a informação é de que de acordo com o tucano, seu trabalho precisa servir ao propósito de gerar oportunidade a todos, tanto aos empreendedores quanto aos trabalhadores. “Não há nada mais triste do que alguém sonhar e não materializar; alguém querer produzir e trabalhar e não ter emprego ou onde produzir”, destacou.

Entre os incentivos fiscais recebidos pela Sallo, 10% é proveniente do Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste (FCO). Segundo o chefe do Poder Executivo, o Fundo tem sido imprescindível na viabilização de empreendimentos que geram milhares de empregos. “A Sallo é uma industria moderna, que está empregando milhares de pessoas e que certamente será reconhecida como uma das melhores indústrias do segmento no País. Por isso, demos o desconto no ICMS, para que eles sejam competitivos”, explicou.

O governador aconselhou os empresários utilizando a recomendação do papa Francisco, de que deve-se governar com alegria, assim também, dirigir indústrias com alegria, fazer o bem às pessoas, ser solidário e gerar crescimento e prosperidade.