“Só estou aqui para transmitir a orientação do prefeito”, diz vereadora. Que vergonha!

Tomada pela irritação provocada pelas vaias que vinham das galerias, a vereadora e líder do governo municipal na Câmara, Célia Valadão (PMDB), confessou ter aberto mão de convicções para atender ordens do prefeito Paulo Garcia (PT). Em resposta ao vereador Paulo Magalhães (PV), que pedia argumentos de Célia para manutenção de um veto que estava em apreciação, a peemedebista afirmou que “não estava lá para convencer ninguém”. “Só estou aqui para transmitir a orientação do prefeito”.

Que vergonha, hein?