Para explicar as cadeiras vazias em encontro do PSB, Vanderlan inventa que companheiros foram ameaçados. Conta outra, vai!!!

O neosocialista Vanderlan Cardoso não escondeu a decepção com o reduzido público no encontro do PSB, neste sábado, em Porangatu.

Mesmo em um pequeno auditório, sobraram cadeiras vazias e as outras foram ocupadas por assessores de Ronaldo Caiado e Vanderlan.

Para explicar o fiasco de público, o neosocialista inventou que houve ameaças a companheiros que iriam ao encontro.
Balela das grandes.

Quem poderia fazer a ameaça? Que tipo de ameaça?

Está claro que foi uma mentira criada para justificar o fiasco.

Mas não pegou.