Deputado Pedro Chaves rifa Iris e articula nome de Friboi como candidato do PMDB

O deputado federal Pedro Chaves (PMDB) enxerga dificuldades em uma nova candidatura de Iris Rezende ao governo do Estado, em 2014.

Pedro disse que Iris passou por cinco cirurgias e, por isso, o partido está em busca de novos nomes para serem avaliados. Segundo o parlamentar, que está em seu quarto mandato e representa a região Nordeste do Estado, um dos nomes cotados é o do bilionário Júnior Friboi. Pedro revelou que o PMDB trabalha a filiação de Friboi. O deputado não admite, mas os peemedebistas estão de olho nos boidólares do empresário.

Veja a matéria na íntegra:

João Carvalho

Vereador Valdivino Fraga (PSDB), prefeito Davi José, Pedro Chaves e vereador Dorival Martins (Fiote – PMN)
O deputado federal Pedro Chaves (PMDB) vê dificuldades de uma nova candidatura de Iris Rezende ao governo do Estado, em 2014. Em entrevista ao Diário do Norte, em Brasília, ele comentou que Iris ainda é a liderança maior do partido. “Não sou favorável e nem contra uma possível candidatura dele ao governo. Ele passou por cinco cirurgias, é a nossa maior liderança, mas estamos buscando outros nomes para serem avaliados”, informa o deputado.

Segundo Pedro Chaves, o ex-prefeito de Goiânia Iris Rezende delegou ao Diretório Regional do PMDB todos os poderes para definir novos nomes e também alianças para as eleições de 2014. Além de Pedro, que é o segundo vice-presidente, o deputado estadual Samuel Belchior é o presidente e o deputado federal Leandro Vilela o primeiro vice-presidente.

“Nós (o diretório) estamos avaliando todas as possibilidades. Temos vários nomes. Um deles é Júnior Friboi (que hoje está no PSB). Nós trabalhamos para que ele se filie no PMDB. Seria um nome interessante para o PMDB”, informa o parlamentar. Ainda de acordo com Pedro Chaves, o PMDB pode abrir – seria uma decisão inédita em Goiás – da cabeça de chapa e apoiar uma outra candidatura. “Isso não é impossível de acontecer. Mas, no momento, estamos focados em apresentar uma candidatura nossa, do PMDB. Iris Rezende pode ser esse nome. Tudo vai depender dele”, comenta.

Hoje o PMDB tem como mais forte aliado o PT. Pedro, no entanto, não acredita que os dois principais atores do PT, os prefeitos Paulo Garcia (Goiânia) e Antônio Gomide (Anápolis) decidam renunciar os seus mandatos para passar por uma convenção e confirmarem os seus nomes à disputa. Outro nome que praticamente está descartado por Pedro Chaves é o do prefeito de Aparecida de Goiânia, Maguito Vilela.

Confira no site:

http://www.jornaldiariodonorte.com.br/detalhes-impresso.php?tipo=976&cod=9535#.UUCWrrfZW34.twitter