Ministério Público sai em defesa de promotor e faz críticas ao prefeito Maguito

A Associação Goiana do Ministério Público publicou nota de apoio ao promotor de Justiça Élvio Vicente da Silva, que foi atacado pelo prefeito Maguito Vilela (PMDB) de Aparecida de Goiânia.

A AGMP expressou solidariedade ao promotor, frisando que ele sempre de comportou com estrita imparcialidade e cumprimento à lei. Maguito disse em matéria publicada no Diário da Manhã que o promotor busca a promoção pessoal ao ajuizar ações de forma aleatória.

Leia a nota da AGMP abaixo:

 

NOTA DE APOIO – Associação Goiana do Ministério Público

A Associação Goiana do Ministério Público (AGMP) vem a público apresentar nota de apoio ao Promotor de Justiça Élvio Vicente da Silva e manifestar o seu repúdio às novas afirmações do Prefeito de Aparecida de Goiânia, Sr. Luiz Alberto Maguito Vilela, em matéria veiculada no JORNAL DIÁRIO DA MANHÃ do dia 13 de março de 2013, página 10, em que expressou críticas infundadas ao Promotor em questão, acusando-o de ajuizar ações de forma aleatória e de buscar promoção pessoal.

A AGMP expressa solidariedade ao promotor de Justiça Élvio Vicente da Silva, que sempre se portou com estrita imparcialidade e cumprimento às leis, trabalhando dentro dos limites das provas colhidas nos procedimentos investigatórios, tendo uma gama de ótimos serviços prestados à comunidade de Aparecida de Goiânia, à frente de uma das Promotorias de Defesa do Patrimônio Público.

Todas as ações propostas pelo Ministério Público em face do Prefeito foram embasadas em provas robustas, trazidas por cidadãos ou pelo Tribunal de Contas dos Municípios. Registre-se, aliás, que é de ciência do Prefeito que o citado Promotor investigou e acionou vários adversários políticos dele, o que demonstra a imparcialidade de sua atuação. Observa-se que em ações de combate à improbidade é costumeiro os demandados registrarem falsa impressão, como tem feito o prefeito Maguito Vilela na imprensa goiana.

Não tem qualquer fundamento a afirmação de Maguito Vilela de que o Promotor de Justiça esteja buscando holofotes para se promover pessoalmente, já que a divulgação das ações judiciais propostas pelo Ministério Público tem sido feitas apenas pelo órgão de comunicação da Instituição. Por outro lado, o Prefeito é que tem buscado os holofotes para difamar a pessoa do Promotor de Justiça perante a sociedade e para tentar intimidá-lo com a menção de propor contra ele medidas judiciais e administrativas.

Esta entidade de classe está segura de que o Promotor de Justiça Élvio Vicente da Silva continuará trabalhando de forma serena e responsável na defesa do patrimônio público em Aparecida de Goiânia, a despeito de qualquer crítica ou pressão externa, e está pronta para defendê-lo em todas as instâncias cabíveis, para garantir sua honra pessoal e sua independência funcional.

A Diretoria.