Polícia Federal solta Luciane, após depoimento com riqueza de detalhes sobre a quadrilha dos fundos de pensão

A Polícia Federal já devolveu a liberdade à bela Luciane Hoerpers, a mulher-pastinha que trabalhava como aliciadora de políticos para a quadrilha que desviava recursos de fundos previdenciários municipais.

Segundo reportagem da Band TV, Luciane Hoepers foi liberada após passar toda a madrugada prestando um longo e detalhado depoimento. Ela admitiu e deu informações minuciosas sobre visitas que fez a 10 prefeitos – e diz que se envolveu com um deles.

A Band TV não deu mais informações sobre o depoimento de Luciane Hoepers, mas garantiu que “a moça contou tudo o que sabia sobre o esquema que desviou R$ 50 milhões de fundos de pensão municipais” e ainda revelou novas informações sobre parlamentares que estavam ligados à operação.