Presidente da OAB diz que Renato Monteiro é um profissional “anti-ético”. Ui…

O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) em Goiás, Henrique Tibúrcio, acusou o publicitário Renato Monteiro de ser um profissional anti-ético. “Trabalha na minha campanha vitoriosa e depois critica justo aquilo que defendeu”, disse Tibúrcio, no Twitter.

O presidente da Ordem diz que as desavenças de Renatim com ele são pessoais e oriundas de “ressentimentos”. “Tinha você em boa conta. Eu nunca criticaria um cliente que eu tivesse defendido. Essa é a nossa diferença”.

Renatim atacou Tibúrcio porque, na sua opinião, a OAB foi omissa quando jornalistas foram “ameaçados” por policiais investigados pela operação Sexto Mandamento. “Não diga bobagens”, respondeu o advogado, “a Ordem foi a primeira a se pronunciar, criticando a Rotam. Recebi até ameaças por isso”.

“Além do que, não lhe cai bem o papel de corregedor das instituições. Mais uma vez, sinto. Seu interesse é outro”.

Doeu, hein?