Aí é o fim do mundo mesmo: enquanto professores brigam por seus direitos na Câmara, meia dúzia do Sintego liga carro de som em frente ao Palácio

Na Câmara, as galerias estão lotadas de professores reivindicando seus direitos.

Enquanto isso, menos de 10 pelegos do Sintego ligam um carro de som em frente ao Palácio Pedro Ludovido Teixeira.

O Sintego não apoia a greve da rede municipal e caiu de vez em descrédito com a sociedade. O sindicato só atua contra o governo do Estado. Quando tem o PT e Paulo Garcia na parada, o Sintego se faz de morto…