Marina Silva diz que Caiado é “inimigo histórico” e espera que “vá logo para a candidatura de Aécio”

Em entrevista ao jornal O Globo, a ex-senadora Marina Silva fala pela primeira, de modo explícito, sobre o deputado federal e líder ruralista Ronaldo Caiado (DEM), que já anunciou apoio à candidatura do governador Eduardo Campos – agora contando com Marina como aliada dentro do PSB.

Ao contrário de Caiado, que disse não ver problema em subir no palanque ao lado da ex-senadora ambientalista, Marina Silva não amenizou. Ela foi dura ao se referir ao líder ruralista e, em resumo, disse que a presença dela criou um novo ambiente no PSB, que certamente fará Caiado se sentir “desconfortável” e partir para um outro rumo.

A candidatura de Eduardo Campos, segundo Marina, não pode aceitar “qualquer aliado”.

Veja a declaração de Marina Silva sobre Ronaldo Caiado:

 

“Se prosperar a contribuição da Rede, é obvio que o (deputado Ronaldo) Caiado (DEM-GO) não se sentirá confortável nesse quadro, e imagino que ele já esteja se preparando para ir para a candidatura do Aécio. Porque, obviamente, na cultura da Rede não há lugar para um inimigo histórico dos trabalhadores rurais, das comunidades indígenas e para quem articulou a derrota do Código Florestal”.