Gastos com publicidade no Brasil em 2012: jornais ficam com apenas 11,3%

Levantamento publicado nesta segunda-feira pelo Projeto Inter-Meios, publicação do grupo Meio & Mensagem, em parceria com a consultoria Price WaterhouseCoopers confirma que a participação dos jornais impressos brasileiros no bolo publicitário nacional continua caindo e chegou a apenas 11,3%, conforme os números registrados no ano passado.

Esse percentual representa também 50% daquele alcançado em 2001, o que comprova a decadência econômica dos meios de comunicação em papel.

Enquanto isso, a internet já representa a quarta destinação das verbas publicitárias no Brasil, com 5% dos investimentos totais.

A televisão leva a maior parte, ou seja, 64,7% de tudo que é gasto com publicidade no Brasil, mas esse valor está congelado há quatro anos – não diminui mas também não cresce.