Professores transformam marcha em cortejo fúnebre em Goiânia. O defunto? Sintego

Com caixão nos braços, professores e servidores administrativos da Secretaria Municipal de Educação transformaram a marcha pelas ruas de Goiânia em cortejo fúnebre. O defunto? Ninguém mais, ninguém menos que o Sintego.

Quatro professores seguraram as alças do caixão improvisado no decorrer do percurso. Imediatamente atrás, uma professora com a lápide em mãos, com os dizeres: “aqui jaz o Sintego”.

Amém, pessoal.